Resenha: Métrica (slammed) – Colleen Hoover

/Editora Galera Records/Resenhas/

métrica-slammed-colleen-hoover-estante-dos-sonhosEditora: Galera Record
Autor: Colleen Hoover
ISBN: 9788501401861
Edição: 1
Número de páginas: 304
Acabamento: Brochura
Compre: Amazon
Classificação EDS:  100 de 100 pontos

O romance de estreia de Colleen Hoover, autora que viria a figurar na lista de best sellers do New York Times, apresenta uma família devastada por uma morte repentina. Após a perda inesperada do pai, Layken, de 18 anos, é obrigada a ser o suporte tanto da mãe quanto do irmão mais novo. Por fora, ela parece resiliente e tenaz; por dentro, entretanto, está perdendo as esperanças. Um rapaz transforma tudo isso: o vizinho de 21 anos, que se identifica com a realidade de Layken e parece entendê-la como ninguém. A atração entre os dois é inevitável, mas talvez o destino não esteja pronto para aceitar esse amor.

Minhas impressões

Métrica é daquele tipo de livro que você cria certo receio em lê-lo, porque com tanta divulgação acabamos criando enormes expectativas e a chance de decepção torna-se enorme. Porém, tudo deu certo. Mais do que certo. Métrica simplesmente surpreendeu.

De inicio somos apresentados a Lake, uma garota que há meses atrás perdeu o pai e agora esta sendo abrigada a mudar de cidade com sua mãe e irmão. Ela espera e quer que esta mudança dure apenas alguns meses, porém todo esse pensamento muda quando ela conhece Will.

Will é o tipo de cara que qualquer garota se interessaria. Responsável, de boa aparência e inteligente. Lake já não acha mais uma má idéia ter mudado de cidade.

A princípio você deve estar pensando: Não existe coisa mais clichê do que logo no inicio do livro os personagens principais se apaixonarem perdidamente, mas é aí que você se engana, assim como eu também me enganei. Percebemos o equívoco quando começamos a conhecer a vida de Lake e Will profundamente e que nada pode ser considerado clichê na vida de ambos.

A vida dos dois é cheia de reviravoltas, nada permanece da mesma maneira. Uma hora tudo está lindo, mas em um piscar de olhos tudo pode se tornar uma beautiful mess. Altos e baixos reais.

Colleen inovou trazendo uma gama enorme de poesia contida dentro do livro. Para mim este é o maior diferencial da obra. Sentimentos transbordam dentro destas poesias. Aliás, poesia é sempre bem vinda, onde quer que seja. Além de que, Colleen também soube perfeitamente construir todas as reviravoltas contidas na obra. Todos os personagens são encantadores e bem construídos.

O inicio de cada capitulo também merece destaque, pois somos apresentados a frases magníficas da banda americana de folk rock “The Avett Brothers”, que por sinal a autora é completamente fã.

Vi muita gente reclamando por que o livro faz parte de uma trilogia e blábláblá. Como sempre sou do contra, apoio total o livro ser uma trilogia, pois quero mais doses de Lake, Will e poesia.

Pessoal, acho que isso é tudo que posso contar sobre o livro. Já falei até demais. Leiam o livro urgentemente e até a próxima resenha.

Compartilhe este link para ganhar pontos