Resenha: O Iluminado – Stephen King

/Editora Suma de Letras/Resenhas/

Editora: Suma de Letras
Autor: Stephen King
ISBN: 9788581050485
Edição: 2
Número de páginas: 288
Acabamento: Brochura
Compre: Amazon
Classificação EDS:  100 de 100 pontos

O romance, magistralmente levado ao cinema por Stanley Kubrick, continua apaixonando (e aterrorizando) novas gerações de leitores. A luta assustadora entre dois mundos. Um menino e o desejo assassino de poderosas forças malignas. Uma família refém do mal. Nesta guerra sem testemunhas, vencerá o mais forte.
Em O Iluminado, quando Jack Torrance consegue o emprego de zelador no velho hotel, todos os problemas da família parecem estar solucionados. Não mais o desemprego e as noites de bebedeiras. Não mais o sofrimento da esposa, Wendy. Tranquilidade e ar puro para o pequeno Danny livrar-se das convulsões que assustam a família.

Minhas Impressões

Ultimamente comecei a ler alguns livros clássicos que eu sempre vinha deixando de lado para ler livros “da moda”. Muito disso pra ter a resenha aqui no blog. Um desses livros clássicos que eu li foi O Iluminado.

Não preciso nem falar muito sobre o autor certo? Stephen King é daquele tipo de homem que seu nome ficará gravado na história assim como Júlio César. Eu preciso sempre me policiar pra não ler somente os livros dele. Tenho todos os ebooks dele e a cada dia tenho aumentado minha coleção dos livros físicos. A cada dois, três livros que eu leio, leio um dele.

Até hoje não assisti o filme, por isso resolvi ler o livro primeiro, e que livro. King é um dos únicos autores que realmente conseguem me deixar com medo lendo um livro. Se algum dia eu fosse dormir sozinho em casa eu não lia o livro à noite =)

O Iluminado é o típico livro que reúne algum dos medos mais comuns que temos, em um local totalmente possível de se acontecer. Quem nunca imaginou o que já aconteceu em um hotel antigo? Ou melhor quem já ouviu falar daquele prédio que pegou fogo em São Paulo e matou várias pessoas (Edifício Joelma) e nunca imaginou que o mesmo possa ser assombrado? Existem até histórias de moradores ouvindo gritos de pessoas nas escadas… King consegue pegar essa essência de “medo comum” e transcrever isso de uma forma apavorante.

O hotel que estamos falando aqui é o Hotel Overlook que fica numa das montanhas isoladas perto de uma cidade chamada Sidewinder. Esse hotel fecha durante todo o inverno, uma vez que as tempestades tornam impossível a ida e vinda desse hotel. Portanto, para manter o hotel bem cuidado é necessário que alguém tome conta dele durante o tempo que ele fica fechado. Dessa vez a família que fora contratada para passar seis meses zelando pelo hotel, foram os Torrance. Um detalhe é que o zelador anterior havia matado sua família, supostamente pelo isolamento…

Mesmo o filho dos Torrance, Danny, tendo um pressentimento horrendo sobre a ida deles para esse hotel, eles foram. Logo que eles ficaram sozinhos o hotel começa a revelar suas verdadeiras intenções com a família. O hotel parecia reagir à Danny como um brinquedo a bateria recebendo pilhas novas e ganhando vida.

Coisas estranhas começaram a acontecer em toda parte. Ruídos, movimentos, pessoas falando. Jack e Wendy no início achavam que era coisa da cabeça deles, ou da cabeça de Danny, mas a coisa começou a ficar séria quando um evento extremamente nítido aconteceu pra família inteira.

Do nada, enquanto a família estava no quarto, o elevador começa a funcionar. Subindo e descendo, com vozes e músicas vindo de dentro. Jack sai para ver o que está acontecendo, achando se tratar só de um curto circuito, Wendy logo atrás percebe algo dentro do elevador e arriscando-se a entrar mesmo com o elevador parado na metade do andar, ela pega uma máscara de dentro do elevador!

O hotel vai se tornando cada vez mais forte e a influência dele sobre o pai de Danny se tornando cada vez mais inevitável. Jack começa a criar uma obsessão pelo hotel e fica cada dia mais disposto a fazer tudo que o hotel lhe pede. Até mesmo entregar sua mulher e filho.

Bom vou parar por aqui pra evitar estragar o final para quem não leu ainda. Logo que comecei a escrever essa resenha estava na verdade escrevendo um resumo do livro, mas pra não ficar grande demais e não estragar a experiência de quem não leu, vou deixar vocês curiosos pelo final =)

Não preciso nem dizer que o livro é excelente. Qual do Stephen King não é? (Sim puxo saco mesmo, pois o cara é incrível). Se você não leu até hoje, pare o que está fazendo agora e leia-o =D. Ah, detalhe que depois que você ler, nunca mais um hotel parecerá somente um hotel rs. Ainda mais se esse hotel for gigante como o Sofitel Copacabana =!

Até e por favor comente. Deixe um blogueiro feliz =}